Saltar para o conteúdo

espaço como acto performativo

by em 10/11/2011

A intervenção artística é, em si mesma, um acto performativo que possibilita e gera uma situação social. Ela procura e encontra um lugar no meio do caldo cultural e respira através dessa mesma situação contextual de um modo orgânico, confrontando e reposicionado questôes que se colocam face á  alteridade – a lingua, a cultura, o corpo. Neste sentido, o som tem a capacidade de criar uma deslocação e um transporte de valores e percepções que não só desenvolvem processos de identificação culturais padronizados como elaboram possiveis potenciações de disrrupção e desorientação do espaço originário e sedimentado culturalmente através dos elos sociais. Para além das formas de identificação, exixtem e manifestam-se nos processos de criação, uma série de interrupções, intersticios, disrrupções que são inerentes à intersecção da esfera do público e do privado e como estes dois aspectos podem ser entretecidos, distorcendo e desafiando códigos, fronteiras estabelecidas, espaços abertos e nómadas. A escuta activa e a própria activação do espaço, enquanto premissa de prática do espaço e transformação do território, permite  estabelecer novos modos de conhecimento e aprendizagem, incrementando a capacidade de diálogo urbanistico e o redesenhar da cartografia social.

Anúncios
Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: